sexta-feira, março 02, 2007

Jardim Interior

Textos: Mario Quintana. Teatralização e direção: Thereza Piffer. Produção: Camila Sartorelli e Daniela Muniz. Som, iluminação e efeitos: Clayton Bonardi. Figurino: Karem Albuquerque. Músicas: Carlos Careqa e Markus Trocoli. Assessoria de imprensa: Jardel Teixeira. Com Arnaldo Barone, Dan Rosseto, Dênete Reis e Ricardo Peres.Como parte das comemorações do centenário de Mario Quintana, quatro atores interpretam a contemporaneidade dos seus poemas na performance: Jardim Interior, também título de uma poesia do escritor gaucho. Em algumas cenas, os jovens artistas interagem com os espectadores por meio de toques e nesses momentos as declamações são intimistas e particulares, todos no cômodo ouvem. Como uma diferente forma de expressão, as sensações são mediadas entre a fantasia estimulada, a atmosfera do local, a platéia e o quarteto. As narrativas são conduzidas como numa peça, que exploram a obra do homenageado, entre prosas e versos... O espetáculo é na verdade, uma intervenção poética que busca revelar a participação de todos. O ambiente propicia a linguagem adotada pela diretora Thereza Piffer, que fez um trabalho de pesquisa deste experimento cênico e que rompe, a relação palco-platéia. Num quarto de um palacete construído em 1935, é deslocado metaforicamente para um grande jardim, exatamente como a entrada da Casa das Rosas. Nesse clima, transformado de maneira imaginária, o som, a iluminação e as manifestações dos pensamentos transcorrem como num ballet, apresentado de forma leve e inusitada. O conceito é o mesmo utilizado por contadores de estórias que visam sensibilizar o público. A arte não imita a vida, mas serve para engrandecê-la e torná-la numa aventura cheia de bençãos.Casa das Rosas (Avenida Paulista, 37, Paraíso, São Paulo, SP, próximo a Estação do Metrô Brigadeiro, tel. (11) 3285-6986). Capacidade de 25 lugares. Sábados às 21h30, de 7 de outubro a 26 de novembro. Duração de 45 minutos e recomendado a todas as idades. Ingressos: R$ 6,00 a R$ 12,00.
Postar um comentário